2 Anos trazendo a lógica!!

Depois de Época, Abril owna Meyer sutilmente

E o Twilight Haters aproveita e owna descaradamente

Muito bem, amigos Haters e Lovers que nos acompanham! Depois de Época lançar suas matérias ownando Meyer com toda a sutileza jornalística, eis que é a vez da Abril On Line o fazer. Sim, a mesma editora da Revista Veja, que ama vangloriar a saga Twilight. Pra vocês verem como as coisas podem mudar (e oi, quem vos fala é uma jornalista, mas que seja).

Mas aproveitando esse lance da coisa jornalística… eu juro que pesquisei sobre, mas não encontrei nada que diga que Rafael Kato, o dono da matéria, é ou não jornalista. E a matéria está bem balanceada. O que significa que eu ACHO que é uma reportagem mesmo, porém há diversos elementos opinativos no meio. Portanto, não sei classificar como reportagem jornalística ou coluna opinativa (que são coisas BEM diferentes embora o senhor Gilmar Mendes não veja assim). Por isso, lovers surtadas e histéricas que não aceitam opinião alheia, OLHEM BEM ESSE PONTO. Pode ser sim uma coluna opinativa, então antes de xingar o diploma e a faculdade do cara que nem sabemos se ele tem (embora isso já não valha mais nada no Brasil), pensem bem nisso.

Então, vamos lá! Hora de lermos um pouco da Abril. E já sabem, né? Os parênteses são os comentários da minha pessoa.

Aborto e virgindade são temas do último livro de “Crepúsculo”
“Amanhecer” é o eletrizante fim da história sobre o amor de uma garota por um vampiro e suas aventuras com o amigo lobisomem
(também retrata como seria o nascimento de um alien, mas quem liga?)

Por Rafael Kato (e comentários em parênteses da tia Lily)

O último livro da série “Crepúsculo”, escrita pela americana Stephenie Meyer, acaba de chegar ao Brasil. (é pessoas, finalmente acabou. Eu acho). “Amanhecer” é o eletrizante fim da história (bota eletrizante nisso. Principalmente quando Bella tem espamos durante o parto. Praticamente uma cadeira elétrica) sobre o amor de uma garota por um vampiro e seu amigo lobisomem (que bom que eles colocam o Jake dessa vez). A história repete temas dos outros volumes (o que não se repete ali?), mas adiciona a tópica do aborto e, de certo modo, de um dos conflitos religiosos americano. (porque não seria a Meyer se não fosse uma tentativa fail de enfiar algum valor que ela possa dizer depois “Ah, falei disso”).

“Amanhecer” sai da gráfica da editora Intrínseca com 400 mil cópias (só eu achei pouco? O.O Perto de outros sucessos, claro) e mais de 200 mil já estão vendidas para livrarias do país (repare, não foi pro público, foi pras livrarias… o que me faz pensar, onde se enfiaram os outros 200 mil livros? Foram pras bancas?). Em tempos de crise, o sucesso editorial é algo de destaque, ainda mais se levarmos em conta que o episódio final da série foi publicado em agosto de 2008 nos Estados Unidos (em poucas linhas, Vinagre demorou na tradução. Se bem que, pelo que eu vi ontem do livro, ela não é muito diferente da que eu vi na net, não. Ctrl c Ctrl v?). É natural que muitos já tenham lido o original em inglês ou traduções de fãs pela internet. (Reitero: Vinagre = Crtl c Ctrl v?)

“Crepúsculo” é uma série que provoca paixão (tão doentia quanto a retratada no livro), uma vez que o sucesso da obra e sua qualidade podem ser julgados pelo número de vendas atingidas (Hum… ainda bem que ele disse “julgadas”. Se ele dissesse “elogiada”, eu ia estranhar). Se os livros possuem uma boa recepção entre os jovens leitores, então devemos dar crédito positivo ao texto (Devemos? O.O). No entanto (AH, SABIA QUE TINHA UMA RESSALVA), um leitor esperto e atento (aka gente com senso crítico) não fica apenas no nível do sensível e do prazer, mas desce às camadas mais profundas da interpretação. (Eeeeeeeeee, somos nós! ^^)

Enredo e análise
A garota Bella Swan e o vampiro Edward Cullen estão mais unidos do que nos outros livros (claro, ele finalmente parou com aquele drama todo). Em “Amanhecer”, acontece o casamento do ser das trevas com a adolescente da cidade de Forks, no estado de Washington. (Só faltou dar a data do casamento, o local da igreja e da festa. Aí sim o convite estaria completo).

O livro resolve uma antiga questão da série: o sexo (três livros para resolver algo assim… pra vocês verem). O casal sai em lua-de-mel, cujo destino final é uma ilha no litoral brasileiro (porque Meyer GOSTA do Brasil, pelo visto, embora não saiba TCHONGAS sobre ele). O que antes era medo transforma-se em prazer, tendo como um dos resultados uma cama quebrada (ou seja, mais uma prova de que aquela coisa do “mimimi, tenho medo de te machucar” era pura balela. Só uma tentativa fail de Meyer abordar sexo depois do casamento. Agora, me digam, por que ela não fala isso de uma vez? Seria tão mais digno).

No entanto, uma das dúvidas dessa sequência é como o vampiro Edward possui uma ereção, já que vampiros não têm sangue (É, A GENTE SE PERGUNTA A MESMA COISA). Em uma entrevista, Stephenie Meyer afirma que o veneno do ser das trevas funciona como fluido corporal (er… venenos são capazes de levantar um pênis? Se for assim, já sei do que o Viagra é feito). Só que esta explicação não está no texto, portanto só pode ser lida como um lapso e um erro na hora da construção do personagem (TOMA, MEYER. Depois dessa, sou fã do Rafael, beijos. Ah, a colocação dos negritos nas palavras foi minha, só pra avisar).

Em “Amanhecer, Jacob Black, amigo de Bella que nutre amor por ela, reaparece na história decidido a combater aquilo que ele sabe que é inevitável: a transformação de Bella em uma vampira (claro que ele tem que evitar. Imagina uma coisa daquelas vivendo PRA SEMPRE? Seria um castigo para a humanidade). O lobisomem, assim como sua matilha, está decidido a destruir o clã vampiresco, assim que conseguir a prova de que a garota não é mais uma humana (e até aí, a coisa ia muito bem, porém…)

O lobisomem freia o ímpeto assassino ao descobrir que Bella está grávida (E AÍ COMEÇA A CAGADA). Nesse trecho da obra há uma interrupção da narração feita pela garota, sendo substituída por Jacob (não sei pra quê, mas beleza). Assim, ficamos sabendo que o feto metade humano, metade vampiro cresce em ritmo acelerado e obriga Bella a tomar sangue para sobreviver (no canudo, detalhe).

É neste ponto da obra que surge um novo tema: o aborto (porque agora que ela já disse que sexo só depois do casamento, hora de falar de outra coisa que dê tanta polêmica). Ele surge como substituto do tabu sexual e, claramente, reflete as opções religiosas da autora (o que DIABOS nessa série não reflete? É tão claro que chega a ser estranho. Colocar as opiniões, tudo bem, mas isso já é quase uma pregação do R.R. Soares). Edward e Jacob defendem o aborto do feto, mas Bella e a vampira Rosalie entendem que isso seria um assassinato (claro que a Rose não ia aceitar, ela quer o bebê pra ela, koe).

Em um dos trechos temos a seguinte frase de Bella: “Eu ainda não sei Jake. Mas eu só … sinto … que isso vai acabar em algo bom, que é difícil de ver agora (pergunta a Alice, oras. Não é ela quem prevê o futuro?). Acho que pode chamar isso de fé (isso me lembra que tenho que fazer minha fézinha na MegaSena *pensa*)”. A negação ao aborto e a fé formam um par contrário à ciência e razão, representados por Edward, Jacob e Carlisle, o médico vampiro. (quase uma luta entre bem e mal, hein? Opinião da Lily: SÓ EU ACHO QUE AS DUAS PODEM ANDAR JUNTAS, KOE?)

Carlisle chega ao ponto de contar os cromossomos do feto para saber como seria e qual seria seu comportamento (coffaltadoquefazercof), mas suas tentativas de estudos não são nada perto da certeza de que Bella tem sobre o futuro da criança (porque Bella acerta TUDO, é claro). Desse modo, Stephenie recupera um tema comum no debate político-religioso norte-americano: o conflito entre fé e ciência, sobretudo quando ligado ao ensino da evolução e do criacionismo (ok, nessa o Rafael viajou. DONDE PODEMOS TIRAR EVOLUÇÃO E CRIACIONISMO DAQUI?). Nem a ciência e nem a genética salvam Bella, mas sua fé e seu amor, mesmo que para isso tenha que se tornar uma vampira. (leia-se: nada pode salvar Bella a não ser Edward. E sim, ela vai virar vampira. Mas quem tinha dúvidas sobre isso? Oi, a Meyer coloca isso como um sacrifício, como se viver eternamente ao lado do seu amor, ao lado da família e amigos e ainda por cima com uma filha, numa casa de luxo, fosse UM GRANDE PROBLEMA).

Prova externa
O maior problema da aparição da criança, chamada de Renesmee, é a tentativa de explicá-la a partir de uma tradição de histórias sobre vampiros (o livro TODO é um problema nesse ponto, Rafael. A Nessie só é o maior absurdo deles, a começar pelo nome). No lugar de criar um universo fantástico único, Stephenie lança mão de várias provas externas, que quando confrontadas com o livro, não se sustentam (é, a gente tá tentando dizer isso pros fãs, mas eles não acreditam).

A filha de Bella é explicada, em certa parte de “Amanhecer, com referência aos íncubos (que ficou tão mal explicado que Meyer teve que explicar em entrevista de novo). Só que o íncubo é um ser mítico medieval que engravidava mulheres sem a permissão delas e está longe de ser vampiro (FAIL DA MEYER? Que nada!). Os íncubos representam o pecado sexual e o incesto, nunca estiveram associados na tradição literária com os sanguessugas, nem mesmo quando foram utilizados por C.S Lewis e Stephen King (DOIS GRANDES MESTRES QUE SABEM USAR AS COISAS, VIRAM?).

O único ser que se aproxima das ideias de Meyer é o broxa (PFFFFF, RIALTO AQUI), vampiro medieval, capaz de voar e prever o futuro (Alice?). Só que a autora faz uma salada cultural ao colocar lendas dos índios ticunas na história (Aquele livro é uma salada no geral. Nada contra saladas). Apesar de viverem ao longo do rio Solimões, a autora os coloca tanto na costa do Rio de Janeiro como em toda a Amazônia, como se o país fosse uma imensa floresta e vivêssemos em uma enorme tribo (UH, tudo ali, pertinho. MEYER, POR QUE TCHONGAS VOCÊ IMPLICOU COM O BRASIL? Só pra mostrar que, além das aulas de Biologia, você também matou as aulas de Geopolítica Internacional?). Bella e Edward descobrem as supostas lendas brasileiras para entender mais sobre a Renesmee (droga, revoltei. Por que o Brasil? Nós temos caras de aliens agora, por acaso? Porque dizer que podemos entender Renesmee, é dizer que somos aliens, quase).

Nem uma lenda da tribo serve como apoio para “Amanhecer” (CLARO QUE NÃO SERVE! Nada explica os seres bizarros da Meyer. Só pra ela mesma). Nem mesmo o mürieto, o rei dos morcegos para os ticunas, possui relação alguma com a ser metade vampiro metade humano do livro (viu?). Nas histórias da Amazônia em geral, os único grandes sugadores de sangue são, respectivamente, o Boraró, um enorme macaco, e o Cãoera, um morcego gigante bem diferente do mürieto. (Rafael, vou te contar um segredo… é que a Meyer não pesquisa NADA pros livros dela, sabe? Por isso não se espante com esse tipo de coisa non-sense, é dela mesmo).

Desse modo, “Amanhecer”, como toda a série “Crepúsculo”, deve ser entendido como fenômeno de massa e, por essa condição, merece respeito (talvez uma tentativa de se redimir com os lovers malucos depois de tudo de negativo que falou?). No resto, o livro é uma colagem de tradições diversas, remanejadas e reescritas (DISCORDO! Não tem tradição nenhuma ali, então não dá pra colar e remanejar), transformando o enredo numa história média para um leitor iniciante. (eu seria mais pessimista, mas é melhor eu ficar quieta).

Original no site: http://www.abril.com.br/noticias/diversao/ultimo-livro-serie-crepusculo-fala-aborto-tabu-sexual-481643.shtml

E agora… o momento da diversão. COMENTÁRIOS!

Primeiro, do único fã que deixou recado, por enquanto.
“Rafael… e você por acaso escreveu algo melhor comparado ao fenômeno Crepúsculo ? Pelo que me recordo, não me lembro de nem ao menos ter ouvido algo a respetio do seu nome.”.

Er… argumento do faz melhor? De novo? Bem, ele já fez. O texto dele é um melhor, desculpa.

E agora, OS MEUS.

MUHUAHAUHAUHAUAHUAHUAHAUHAUHAUAHUAHUHUHUHAUAHUAHUAHAUHA! Certo, a Abril ganhou uns pontinhos comigo agora depois dessa. Foi um artigo TÃO leve e ao mesmo tempo TÃO OWNED. Adorei a sutileza desse ser, falei!

E agora, esperamos a revista Istoé comentar. É a única que falta…

Beijos, meu povo

Lily

Anúncios

46 Respostas

  1. amenaske

    Eu sou fã do Rafael
    E os comentários foram ótimos, Lils

    04/07/2009 às 1:41 pm

  2. “Oi, a Meyer coloca isso como um sacrifício, como se viver eternamente ao lado do seu amor, ao lado da família e amigos e ainda por cima com uma filha, numa casa de luxo, fosse UM GRANDE PROBLEMA”

    NÉÉÉ! Porque ser rica, linda e viver para sempre com o amor da sua vida é um sacríficio IMENSO para se fazer, coitadinha da bela ganso q

    AMEEEI o texto do rafael, mas acho que ele deveria reescrevê-lo e adicionar os seus comentários, Lil, porque eles são a alma desse post UHSUIHUIHASIHSUISAH *-*

    04/07/2009 às 1:57 pm

  3. Carol

    o único sacrifício em virar vampira é dispensar McDonald’s o_o
    well, isso é mais do que eu poderia aguentar, dispenso vida eterna e

    eu não entendi foi porque o fãzinho ficou enfesado, ele nem xingou a obra nem nada, ele foi de fato beem sutil, imagina o que o fãzinho faria se viesse aqui *imaginando*
    quanto mais eu leio a respeito do Breaking Dawn, menos vontade de lê-lo eu tenho .-. claro que o motivo maior pelo qual eu desisti de ler foi ver vocês ripando aquele porre de capítulo >< gzuis, que que isso credo D:

    obs.: esse comentário foi meu mesmo, e não da Cássia roubando minha identidade

    04/07/2009 às 2:56 pm

  4. Anne

    Eu já tinha lido a reportagem e inclusive dediquei um tópico pra ela lá no fórum, mas confesso que os seus comentários deixaram ela ainda mais digna, Lil.

    Eu super gamei nesse cara, porque a sutileza dele em dizer as coisas foi tão…tão OWNED.

    Simplesmente foda.

    Vamos esperar que a Istoé seja digna também.

    04/07/2009 às 3:55 pm

  5. História média? MÉDIA? Não seria “abaixo da média”?

    Adorei os comentários, Lily! E o Rafael ownou também! Muito foda.

    04/07/2009 às 4:14 pm

  6. Ingrid

    Adoro pegar coisas escritas e faladas por caras que estão na mídia e esfregar na cara das lovers que de fato TW é ruim…

    04/07/2009 às 4:45 pm

  7. Laís

    Gostei, e acho incrivel que qualquer critica do livro que não envolva a palavra PERFEITO, agridem as fãs.

    PS: Será que eles vão filmar essa infeliz parte do Brasil? Se a SM vir estou disposta a fazer um ataque terrorista. XD

    04/07/2009 às 4:55 pm

  8. A Meyer acabou com a nossa reputação, agora somos aliens, HAO 00_00 (tentativa de fazer que nem o Spok no Star Trek)
    Rafael, pegael (66′
    o único sacrifício em virar vampira é dispensar McDonald’s o_o²
    rasheeei com os seus coments, Lily
    Bjss ;*

    04/07/2009 às 6:07 pm

  9. dane

    o único sacrifício em virar vampira é dispensar McDonald’s o_o³

    pois é, não vale a pena esse sacrifício só pra brilhar no sol. >:

    04/07/2009 às 6:49 pm

  10. amenaske

    PS: Será que eles vão filmar essa infeliz parte do Brasil? Se a SM vir estou disposta a fazer um ataque terrorista. XD[2]

    04/07/2009 às 7:10 pm

  11. Ane

    PS: Será que eles vão filmar essa infeliz parte do Brasil? Se a SM vir estou disposta a fazer um ataque terrorista. XD[3]

    (Coloca um lenço na cabeça, suja a cara com dois riscos pretos) IÁááààÁÁÁÁ *voadora em Meyer*

    04/07/2009 às 7:48 pm

  12. Ai, cara, eu não faço ataque terrorista não, porque eu sou do bem, mas eu quero ta lá pra ver os haters matarem ela *-*

    04/07/2009 às 8:12 pm

  13. Twilight Haters

    *Gi chega*

    HAUHUAHAUHAUHAUHAUHAUAHUAHAUHAUHAUAHUAHUAHUAHAUHAUHAUHAUAHUAHUAHA AI MELDEEEELSSSSSS!

    Sou fanzaça do Rafael agora, bjs!Acho super válido um email pra ele e…

    EPIC FAIL DONA MEYER!!!
    Que infeliz, rapaz, que infeliz!!

    CHORAY com os comentários, Lily!Vc manda mtooo bem!*O*!!

    Ataque terrorista?TÁ PRA MIM!

    (Gi)

    04/07/2009 às 9:22 pm

  14. Eu achei absurdamente bem escrito, tanto a parte do Rafael quanto os comentários mega sensatos e coerentes da Lily, aliás, nem precisava mais elogiar a Lily, acho que ela nunca vai conseguir escrever nada ruim, mas enfim…
    Eu me orgulho das cabeças pensantes desse país. Sério.

    04/07/2009 às 11:14 pm

  15. Laura

    Eu precisava ler isso agora, porque justo hoje estreou o Amanhecer na minha cidade e tava cheio de lovers lá respondendo um quiz sobre os livros e quando eu fui no cinema passou o trailer do Lua Nova, de forma que tinha MAIS lovers gritantes ali (tipow, hj foi o dia mais horroroso da minha vida x-x). A (???)Lily criticou e alfinetou direitinho, tão bem como o escritor da matéria ^^
    E isso só nos leva à mesma conclusão de sempre: amanhecer = EPIC FAIL!

    04/07/2009 às 11:54 pm

  16. Cássia

    Resumo do meu comentario pq eu to com preguiça de escrever

    Ri muito

    Rafael, tu é show

    05/07/2009 às 1:40 am

  17. fany-chan

    Uma crítica ÓTIMA!
    Só uma coisinha: vampiros podem ter ereção sim, se “empurrarem” o sangue pelo corpo por meio da força de vontade (é por causa disso que eles sangram quando feridos, só que no caso é um ato involuntário). Porém eu duvido que Meyer saiba disso (e tenha pesquisado), então esquece.
    ÓTIMA!

    05/07/2009 às 8:42 am

  18. Jessy

    “Crepúsculo” é uma série que provoca tédio, vontade de dormir, revolta, vontade enorme de matar quem escreveu “isso”.

    05/07/2009 às 9:00 pm

  19. Twilight Haters

    “vampiros podem ter ereção sim, se “empurrarem” o sangue pelo corpo por meio da força de vontade”

    Nossa, que viagem (não o comentário, mas esse negócio de “empurrar o sangue”) ahuahuah lenda de vampiro é mto pro meu QI.

    06/07/2009 às 9:48 am

  20. Twilight Haters

    Agora comentando o post…

    Dels, ainda bem que eu larguei Amanhecer na metade. Eu até sobrevivo à ladainha da fêmea submissa e precisada de proteção, mas discurso contra aborto é meu cu.

    Meyer, volte pro século XV.

    (Ana)

    06/07/2009 às 9:58 am

  21. discurso contra aborto é meu cu (2)
    IUAHSIUSAHUIASHUAISHIUSIUASH, nem gritei no cinema quando vi taylor lautner sem camisa rs (mentira q)

    06/07/2009 às 12:12 pm

  22. Nanda Saisei

    HAUSHAUYSAIUYSUAIHSUAHS. xD

    Véy, Rafael disse que a Meyer não explicou o fato do &*%$¨&# do Edward ter tido uma ereção sendo que ele nem possui sangue. Certo, mas ALGUÉM consegue imaginar o Edward explicando como o trequinho dele funciona? XD \euimagino -q

    “*Depois de fazer negocinho*

    Bella: Amor, me fala, como foi que eu %&$(#@ ficou pra cima? °-°
    Edward: É que meu veneno pode fluir pra lá, baby. (H)~~”

    Ai, ai. Mas se isso acontecesse, não seria mais a Meyer que nada explica e só escreve o que vem a cabeça que conhecemos. Tcs, tcs.

    06/07/2009 às 12:36 pm

  23. Nanda Saisei

    P.S: “vampiros podem ter ereção sim, se “empurrarem” o sangue pelo corpo por meio da força de vontade ”

    VAI SANGUE, VAI SANGUE, VAAAAAAAAAAAAAAAAAI PORRA! -q

    06/07/2009 às 12:40 pm

  24. amenaske

    “P.S: “vampiros podem ter ereção sim, se “empurrarem” o sangue pelo corpo por meio da força de vontade ”

    VAI SANGUE, VAI SANGUE, VAAAAAAAAAAAAAAAAAI PORRA! -q”
    HDSAIHSDAIUSADHUSADHUHSAUDUSADHUSDHSADUIHSDAUIHSDAIUSAHIUDSHDSA
    DSHAIUDSHSUDAHUSADHUSDAHUSADHUASDHADSHSDAIUHSADIUHSDIUSDHISDUHSA
    Ai, passou

    06/07/2009 às 3:06 pm

  25. Dhiro

    “P.S: “vampiros podem ter ereção sim, se “empurrarem” o sangue pelo corpo por meio da força de vontade ”

    VAI SANGUE, VAI SANGUE, VAAAAAAAAAAAAAAAAAI PORRA! -q”

    HAHAUHAUHAHAHUAHAUHAUHUHAUAHUAAHAHAUHAUAHUHAAUHAUHAUHAUHAUAHUAHAUHAUHAAHUAHA

    *respira* lol

    Eu queria ter a sabedoria para escrever um texto tão sutil quanto esse, parabéns para o Rafael e para a Lily, como já disseram, seus comentários foram a alma do texto \o/

    06/07/2009 às 4:45 pm

  26. “P.S: “vampiros podem ter ereção sim, se “empurrarem” o sangue pelo corpo por meio da força de vontade ”

    VAI SANGUE, VAI SANGUE, VAAAAAAAAAAAAAAAAAI PORRA! -q”

    *morre asfixiada por tanto rir*
    OMG, É QUASE COMO JOGAR ÁGUA SANITÁRIA NA CABEÇA E q

    06/07/2009 às 7:31 pm

  27. “P.S: “vampiros podem ter ereção sim, se “empurrarem” o sangue pelo corpo por meio da força de vontade ”

    VAI SANGUE, VAI SANGUE, VAAAAAAAAAAAAAAAAAI PORRA! -q”

    *chorando de rir*

    Com jeito vai! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Adorei o artigo!!! o//

    06/07/2009 às 10:47 pm

  28. Graça

    Sou Twilight’s lover mas…Adorei o post.
    Mesmo sendo lover e lover quase obcecada mas sem histerismos(que isso nem eu aguneto) achei piada aos comentários. São muito divertidos e inteligentes(que me desculpem os bloggers que comentaram o capitulo do parto do breaking dawn, mas sinceramente aqueles comentários pouco inteligentes e sem um minimo de nexo não tinham piada nenhuma).
    Felicidades Lily!
    PS- Adoro o Crepusculinho. Da autoria de um autor brasileiro chamado Robson Reis. Demais!

    06/07/2009 às 10:49 pm

  29. Graça, e desde quando os comentários sobre o parto em Breaking Dawn eram para ser engraçados? Só foi uma prova de que o livroé tão ruim que é capaz de ripar assim como se ripam fics horríveis.
    Felicidades! :D

    06/07/2009 às 11:57 pm

  30. Graça, você não riu na ripagem? Nossa, por que será? Minhas amigas, também lovers, riram até cair…

    07/07/2009 às 2:08 am

  31. Monique

    AAAAAAAAAAAAAUHAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUHUAHUAHUAUHAHUA
    melhor foi o comentário do ” escreve algo melhor então”

    HI-LÁ-RIO

    texto ótimo, comentários ótimos.. meu deus, eu amo esse blog! hahaha

    07/07/2009 às 1:58 pm

  32. Judi

    Não sei se vocês já postaram isso aqui, mas tava passando no site oficial de crepúsculo (não tinha nada pra fazer, enfim) vi uma noticias sobre tattoos e quando abri o link vi essa coisa assustadora aqui: http://www.orkut.com.br/Main#Album.aspx?uid=9737821508403232552&aid=1246461798

    Quero ver quando eles deixarem de ser fãs ou se arrependerem XD

    Tem tbm o display de propagandaque eu vi alguém comentar no fórum: http://www.orkut.com.br/Main#AlbumZoom.aspx?uid=9737821508403232552&pid=1246315156202&aid=1246288315&p=0$pid=1246315156202 O.o

    07/07/2009 às 7:41 pm

  33. Mariana

    Oeee, olha eu aqui de novo!

    Parabéns, de novo. Adorei a reportagem/coluna opinativa. E os comentários entre parenteses da Lily, que me fizeram rir muito, como sempre!

    Cada dia mais eu tenho vontade de queimar o exemplar de Crepúsculo, Lua Nova e Eclipse (veja bem, esse ultimo nem foi lido até o final, visto que achei mais interessante ler sobre a história de Platão do que o amor incansavel de Bella por Edward) que eu tenho aqui em casa… Mas tudo bem, ainda tenho outras utilidades para eles, haha.

    Bjsmeliga.

    08/07/2009 às 5:06 pm

  34. Graça

    Pois… Porque é que não achei piada também nao sei…
    Ma sainda bem que há lovers que riem…
    Eu sou completamente fã… Mas gosto de me rir com coisas como este post.
    PS-Desculpem a ignorancia, ams alguem me pode dizer o q signnifica “ripar”? Sou portuguesa xD

    08/07/2009 às 9:04 pm

  35. Isabella

    “isso já é quase uma pregação do R.R. Soares”
    adoreii seus coments, to rachando até agora… bom, não preciso nem falar do quanto reclamei da explicação tosca dela sobre a gravidez da bella, de que vampiros não precisam utilizar celulas reprodutoras para fabricar espermatozoides… tsc tsc

    08/07/2009 às 10:45 pm

  36. ri demais. a meyer não tá com nada mesmo :)

    20/07/2009 às 2:51 am

  37. Cee

    Primeira vez no site, amei os posts e coments. Bem, resumo, Meyer não sabe nada de nada. Se o que circula pelo corpo de um vampiro é veneno, logo, sua saliva deveria conter grande parte de veneno. Como Bella, não tornou-se vampira beijando ele todo esse tempo??? Uma feridinha na boca seria seu “fim” hahaha…ainda mais no local aonde se passa o livro (no frio msm, usando protetores labiais,ferem a nossa pele e pode surgir feridas ao redor da boca) ou para Meyer o veneno dos vampiros surgem de suas presas como nas cobras??? hahahaha… Essa da ereção… muito boa, no livro Meyer refere-se q qd tornar-se um vampiro seu corpo fica rijo como uma pedra… seus musculos e tecidos… logo, talvez o piu-liu (hahaha) tenha ficado rijo ms p/ baixo (diraçao contraria de uma ereçao) hahaha…

    24/07/2009 às 6:16 pm

  38. iloveasianmusics

    Olá Lily, desde que descobri o Twilight Haters, gostei muito das postagens, inclusive as suas. Bem, concordo plenamente com você, e eu sou, assim como você, uma hater que li todos os livros da série. Pois bem. Eu queria fazer uma observação, eu não tenho um site para ownar a Meyer, e como há muita coisa, dá muita preguiça criar. Eu gostaria de ressaltar esse ponto: Edward Cullen tem, definitivamente dupla personalidade. Primeiro ele abandona a Bella e depois ele pensa em mantê-la em cativeiro? Ele deixa ela nas mãos do Jacob no segundo livro, depois ele quer fazer com que ela não veja mais ele? Cadê o autruísta? E a Bella responsável? Ela não ia correr atrás de James porque ela tinha medo que um clã de sete vampiros seculares e bem treinados, além de saberem andar sem caírem se machuquem com um único vampiro. Ela não era responsável? Se Meyer é uma evangélica (não descriminando os evangélicos) e cria os filhos nessa doutrina, porque ela faria para o mundo uma Bella tentou fazer sexo antes do casamento? Só porque ele era vampiro? Tenho muito mais idéias, mas agora tenho que sair. Amei o site. Beijos :*’

    24/07/2009 às 6:51 pm

  39. Julia

    AUSHAUSHAUSHUAHSUHASU
    rialto com essa matéria!
    realmente, por que? POR QUE, Meyer implicou com o Brasil? E foi bem isso que disseram no post, ela nem tem noção de geografia, como se RJ e a Amazonia fossem a mesma coisa! ¬¬’

    29/07/2009 às 7:20 pm

  40. Ótimo post, rachei com os comentários x)

    E, vejam só, o livro é tão ruim que a criatura mística que chega mais perto de explicar os FAILS da Mrs. Meyer se chama… BROXA.
    Realmente, Twilight é broxante (porque a Bella fica falando o tempo todo: OMG O EDWARD É O AMOR DA MINHA VIDA).

    01/08/2009 às 3:12 pm

  41. Demetria

    400 mil cópias né? “O Menino do Pijama Listrado” teve 350 mil na primeira tiragem, olha que já tem até 5ª edição. -q

    10/08/2009 às 7:50 pm

  42. Olá, é a primeira vez que leio e comento no blog de vocês. Sou do tipo “não li e não gostei”, confesso, nunca tive a menor paciência para a saga Twilight. Em grande parte, isso se deve à histeria das fanáticas e pelas críticas que leio (Vampiro bonzinho que brilha no sol? Oi?). Isso desanima qualquer um a sentar a bunda na cadeira e ler esses volumes, né? Confesso que meu preconceito aumentou mais ainda ao ler essa reportagem que vocês transcreveram e comentaram.

    Por isso, vou adicionar mais uma crítica. Meyer faz uma oposição entre fé e ciência que só uma verdadeira caipira americana é capaz. E, ao contrário do que vocês comentaram, tem MUITO a ver com Criacionismo e Evolução. Aliás, este é o palco principal da “briga” entre fundamentalismo e razão nos EUA. E me preocupa muito ver uma autora tão tacanha influenciando adolescentes incautos.

    O tal pai do Edward é absolutamente racional e tenta prever o comportamento da criança híbrida através de seu código genético. Uma clara crítica aos cientistas que vêem os humanos como mais uma entre milhares de espécies, cujo comportamento é grandemente influenciado (não determinado) por sua genética. Notem que não estou criticando a fé das pessoas de que o homem é “mais” do que pura genética, mas sim que tal opinião seja adotada como referencial absoluto para a humanidade e, principalmente, para a ciência.

    Além, é claro, da clara panfletagem contrária ao aborto, dos valores machistas dos quais vocês tanto falam e eu não vou repetir.

    Isso só me fez ODIAR a tal Meyer. Na boa. Quando eu pensava que ela era só uma péssima autora, só era digna do meu desprezo: autores ruins existem aos montes, às pencas. Mas ver que ela não procura fazer literatura de qualidade e sim uma verdadeira lavagem cerebral de acordo com seus próprios valores tacanhos me enoja.

    Na minha opinião, ela faz parte de algo bem maior: dessas organizações que buscam banir o estudo da Evolução nas escolas, que querem restringir direitos civis dos homossexuais e das mulheres, por exemplo. A Stephenie Meyer está criando um monte de fundamentalistazinhos: só isso explica uma editora permitir que tamanha porcaria seja publicada: vampiros que brilham?? WTF?

    Enfim, continuem com o bom trabalho, nobres Haters.

    11/10/2009 às 7:59 pm

  43. Mula GaGa

    rafael, s2

    25/12/2009 às 7:11 pm

  44. E claro que seria um sacrificio,LOGICO!
    Viver com o idiota autoritario,prepotente,anêmico e que brilha no sol como o Edwarde Cullen e realmente um sacrificio,e morrar na mesma casa com a irritante da Alice,que acho que sabe de tudo so pq ve o fuuro,e uma filha allen,que e a continuaçao da Bella,uma mosca morta,e o Edward um velho antiquado,ela deve ser a pior da serie,foi dificil decidir,e a mistura do casal mais tosco de toda a literatura i universal[pq se houve um livro em Marte,com certeza ele escreven melhor que Meyer,pq Bella MOSCA e Ed Pisca-pisca nunca brigaram,alguen ja viu um casal nao brigar?Eu nao.

    Os unicos personagem que “salva” sao Rosalie,pq ela tem uma historia tem atitude e nao e perfeitinha,e Jacob pelo mesmo motivo,alem de Taylor lautner ser lindoo[muito mais que R.P,ele tem uma cara um pouco duvidosa,se e que me endendem,e nao gosta dos fas que o tornaram um simbolo[nao sei como].Mais esses personagens estao na maos erradas.

    04/02/2010 às 1:43 pm

  45. Paula

    cara, na boa, eu adooro os livros da serie, acho apaixonante, mas há muitas coisas que não fazem sentido, a primeira é essa questão da ereção, como um ser que não tem sangue no corpo (sendo retratado no livro como morto-vivo) pode ter uma ereção, e uma duvida pior que me seguiu, cara, a Bella vai engravidar, isso quer dizer que vampiros tem semem? O.O se eles não possuem sangue eles vão possuir semem? Enfim.. eu continuo gostando dos livros e dos filmes, apesar de depois de constatar esses fatos achei que era um pouco de babozeira. E que venha o Filme Eclipse!!!

    06/06/2010 às 4:39 pm

  46. jaqueline pereira dos santos

    numca tinha ouvido falar no nome desse cara se ele faz melho vamos ver sobre as lendas ela so queria criar histórias novas sair da rotina que todas essas histórias ela queria criar um mundo novo vou defender eles com unhas e dentes se não gosta não lê nem assiste

    24/11/2013 às 5:26 am

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s